Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

More than words.

More than words.

Capítulo 8 - don't judge me

Agnes não conseguia parar de observar Dylan que esteve metade da noite a falar com aquela rapariga e o resto do tempo passava-o o na conversa com as outras raparigas que se encontravam naquela festa. Pelo menos ainda não tinha beijado nenhuma… pensou para si. Suspirou e encheu novamente o seu copo desta vez com vodka, bebeu de um só gole uma grande quantidade e suspirou pesadamente percorrendo a sala com o olhar em busca de Claire. Não conseguiu deixar de sorrir ao vê-la a conversar com um rapaz, decidiu não interromper pois a outra iria ficar furiosa se ela o fizesse.

Pousou o copo num sítio qualquer ignorando a má disposição que começava a sentir e dirigiu-se até aos sofás sentando-se numa ponta de um. Instantes depois viu um rapaz vir na sua direcção e sentou-se ao lado dela começando de imediato a meter conversa com Agnes. A rapariga suspirou impaciente, não estava com vontade de falar mas deixou-se levar pela conversa e sorriu levemente quando ele a elogiou.

- Quem é aquele que está com a Agnes? – perguntou Dylan puxando Claire por um braço e fazendo-a bufar ao ver o rapaz que estava com ela afastar-se.

- Tu é que sabes, a festa é tua! Tu é que conheces as pessoas. – resmungou e abanou o braço para se soltar da mão dele.

- Não precisas de me falar assim. – retorquiu Dylan revirando os olhos.

- Pois, vieste aqui interromper-me e queres que te fale como? Queria ver se eu te fizesse o mesmo. – voltou a resmungar. O rapaz voltou a revirar os olhos e olhou de canto para o sítio onde Agnes estava vendo-a ainda na conversa com aquele rapaz.

- Vai lá buscá-la… - disse para Claire ignorando tudo o que ela tinha dito antes e mordeu o interior da bochecha.

- Ah? Vou buscá-la porquê…? – perguntou a rapariga fitando-o atentamente.

- Então… porque… porque acabaste de ficar sem companhia… e não te quero sozinha… sim, é isso. Vai lá… - pediu, ok isso não devia estar a soar nada convincente… pensou Dylan para ele.

- Mentiroso! Se a queres vai lá tu buscá-la. – resmungou Claire e virou-lhe costas afastando-se para longe. Dylan revirou os olhos e insultou-a mentalmente, deu mais uma olhadela para Agnes e respirou fundo indo para a mesa das bebidas, encheu o seu copo e bebeu.

(…)

- Claire… - chamou Agnes bastante tempo depois surgindo por trás da amiga.

- Diz. – disse Claire virando-se para ela e olhando-a com uma cara estranha e confusa. – Aconteceu alguma coisa? – perguntou com um tom de preocupação na voz.

- Não. – retorquiu a outra. – Quer dizer, mais ao menos, estou mal disposta… - disse Agnes fazendo uma careta.

- Pois, andaste para aí a beber tudo o que era bebida, estavas a espera de sentir-te como? – Claire revirou os olhos.

- Vou vomitar. – murmurou Agnes de repente e afastou-se de Claire correndo para a casa de banho.

 

- Onde é que ela foi? – perguntou Dylan aparecendo à beira de Claire quando esta se preparava para ir atrás da amiga.

- Estava a sentir-se mal. E não me chateies agora, vou ter com ela. – disse Claire preparando-se para ir embora quando Dylan a impediu.

- Não! Eu vou… - retorquiu mordendo o lábio e correu para a casa de banho.

(…)

Agnes estava a passar a cara por água quando ouviu alguém bater à porta seguida da voz de Dylan a chamar por ela.

- Podes entrar… - disse limpando a cara a uma das toalhas, suspirou assim que viu o rapaz e fitou-o.

- Estás bem? – perguntou ele aproximando-se dela lentamente. A rapariga encolheu ligeiramente os ombros e encostou-se à beira do lavatório.

- Só me doí um bocado a barriga… mas já passa… - murmurou. – Podes voltar para a festa, eu também já vou. – acrescentou com um suspiro.

- Não. – retorquiu ele abanando a cabeça. – Não vais voltar para a festa, precisas de descansar… além disso a festa já está mesmo a acabar. – aproximou-se mais um pouco dela. – Queres ir para o meu quarto descansar? – perguntou.

- Não. – respondeu ela de imediato. – Não é preciso, eu já estou bem. – o rapaz riu-se e levantou ligeiramente as mãos.

- Eu não te vou fazer nada Agnes, nem vou violar-te. – riu-se levemente. – Apesar de que nunca ia ser considerado violação porque não ia fazer nada que não quisesses.

A rapariga revirou os olhos e nem respondeu ao comentário dele. Dylan sorriu e puxou-a pela mão encostando-a contra o seu corpo, pôs os braços em volta dela abraçando-a e inspirou o doce aroma dos cabelos dela.

- Dylan pára com isso… - sussurrou ela suspirando e tentando afastar-se dos braços dele.

- Não quero… - mordeu o lábio e apertou-a mais. – Anda comigo… - sussurrou e com uma das mãos segurou no queixo dela elevando-o ligeiramente e fazendo-a olhar para ele. – Estás mal disposta… não vais voltar para lá, anda descansar… por favor… - pediu.

- Mas a Claire… - murmurou Agnes não conseguindo deixar de o fitar.

- Que tem ela? Eu vou dizer-lhe para acabar com a festa… já é tarde. – encolheu os ombros. – Vens? – perguntou e encostou ligeiramente os lábios aos dela.

- Sim… - acabou por murmurar a rapariga alguns segundos depois. Dylan sorriu levemente e pegou na mão dela puxando-a dali para fora. 

19 comentários

Comentar post

Pág. 1/2